Mochila (O que levar)

O que levar na mochila para o Caminho de Santiago

mochila para o Caminho de Santiago

Uma das maiores preocupações do peregrino dos Caminhos de Santiago prende-se com o equipamento que deve levar na mochila para o Caminho de Santiago. Na esperança de ajudar aqueles que se preparam para fazer o Caminho, aqui vão as nossas dicas a partir da nossa experiência.

Qual deve ser o peso da mochila para o Caminho de Santiago?

Leve só o indispensável: esta é a regra mais básica a seguir. Reduzir e simplificar é uma boa política quando se prepara a mochila. Afinal, as suas pernas e as suas costas vão carregar todo o peso da mochila. Portanto, quanto menos, melhor. Além do mais, só se deve carregar até 10% do peso do corpo, porque o excesso de peso é a principal causa das tendinites e lesões do peregrino. Sendo o Caminho de Santigo uma lição de desapego do supérfluo, podemos começar a aprender antes mesmo de partir.

Que mochila levar para o Caminho de Santiago?

Para senhora, uma mochila entre 30l a 35l, para um homem, uma mochila entre 40l a 45l, têm espaço suficiente para o básico. Procure uma mochila de boa qualidade, impermeável e com capa de proteção da chuva, costuras duplas e estrutura rígida interna, é dinheiro bem empregue. A barrigueira acolchoada ajustável (evita a sobrecarga dos ombros) e as alças acolchoadas ajustáveis (em altura e aproximação às costas) são essenciais. Aquelas tiras todas não são para enfeitar. Elas têm uma função específica e garantimos que são indispensáveis. Aprenda a “vestir” a sua mochila antes de a comprar. O peso da mochila vazia não deve exceder os 2kg. Nós já tínhamos as nossas de 50l e foram mais do que suficientes para os 800km do Caminho Francês.

Como arrumar a mochila para o Caminho de Santiago?

Equilibrar o peso da sua mochila: o peso tem que ser equilibrado. O lado direito não pode pesar mais do que o esquerdo. Para a mochila se acomodar bem ao corpo, as coisas mais pesadas devem ser colocadas no fundo e do lado das costas, as mais leves por cima. As bolsas exteriores devem transportar o equipamento que mais utilizamos. Tudo o que não queremos que se molhe deve ser acondicionado em sacos ziplock.

mochila-camino-de-santiago

A  mochila para o Caminho de Santiago: lista do que levamos para o Caminho de Santiago

Atenção! Esta lista deve ser vista como um exemplo e não como um modelo do que levar na mochila para o Caminho de Santiago. Cada um deve analisar bem aquilo que lhe é crucial, pôr de lado o que é secundário, saber o que consegue carregar. Se é fotógrafo profissional, provavelmente ser-lhe-á mais útil trazer o equipamento necessário para captar a beleza do Caminho do que encher a mochila de coisas que “poderão vir a dar jeito”.

Eis aquilo com que não deve mesmo sair de casa:

  • um documento de identificação,
  • um cartão de débito para levantar dinheiro nas caixas ATM (não convém andar com muito dinheiro na carteira),
  • quaisquer documentos necessários para a viagem de regresso,
  • a Credencial do Peregrino
  • a concha de vieira pendurada na mochila que o identifica como peregrino de Santiago.

 

Roupa


Toda a nossa roupa é apropriada para grandes caminhadas, ou seja, de fibra, leve, transpirável e de secagem rápida. Deve adequar a roupa ao número de dias e à altura do ano em que percorrer o Caminho.

  • 2 calças convertíveis (pernas destacáveis)
  • 1 calção de lycra (de uso diário para evitar os abrasões das pernas)
  • 3 camisolas: 2 de manga comprida, 1 de manga curta
  • 1 corta-vento impermeável
  • 1 polar (o nosso polar adapta-se ao impermeável atuando como casaco de aquecimento)
  • 3 cuecas (fibra sintética, sem costuras nem elásticos)
  • 1 toalha de banho em microfibra (compacta, leve, superabsorvente, de secagem rápida)
  • 1 par de chinelos para o banho
  • 1 par de sandálias (para descanso dos pés à noite)
  • 1 chapéu (de abas largas de preferência para cobrir do sol)
  • 3 a 5 pares de meias anti-bolhas (nós não dispensamos as meias duplas anti-bolhas com fibra Coolmax®. A meia fina por dentro e a meia grossa por fora é outra opção, mas connosco não resulta. E levamos sempre muitas porque trocamos as meias a cada duas horas de caminhada. É assim que conseguimos evitar bolhas e não piorar as que surgem.)

 

Equipamento

  • botas de caminhada, já feitas ao pés, NUNCA novas (nós só usamos botas de cano subido para prevenir entorses)
  • saco-cama leve e compacto
  • capa de chuva
  • canivete suiço
  • lanterna pequena
  • tampões para os ouvidos
  • garrafa de água (nós usamos uma garrafa PET 0,75l à mão e levamos outra na mochila de prevenção que nos duraram o Caminho todo, são mais leves que um cantil. Uma das coisas mais desagradáveis no Caminho foi encontrar as garrafas de água e bebidas energéticas deixadas na beira do Caminho como depósito de lixo)

 

Acessórios

  • telemóvel (um smartphone com as aplicações certas pode ser muito útil; nós reduzimos o peso evitando carregar a máquina fotográfica e respetivo carregador, a lanterna, o bloco de notas, o guia do caminho, relógio)
  • carregador do telemóvel
  • ficha tripla (em muitos albergues as tomadas são escassas; com uma tripla usávamos uma saída e ainda havia espaço para mais dois peregrinos)
  • óculos de sol
  • protetor solar de fator alto
  • protetor do cieiro
  • isqueiro
  • rolo de papel higiénico
  • saco pequeno para recolher o lixo
  • sabão para lavar a roupa
  • alfinetes d’ama para pendurar a roupa a secar (nas cordas ou na mochila)
  • cordel para secar roupa

 

Higiene pessoal

Este é um tópico que depende muito das necessidades de cada um. O homem pode dispensar os produtos para desfazer a barba, a mulher escusa de levar os produtos de beleza dando assim lugar a produtos de higiene íntima com os quais se possa sentir mais confortável. Além do mais, se algo se tornar necessário, há sempre farmácias ou “ultramarinos” onde podemos encontrar os produtos em falta.

  • pente pequeno
  • escova de dentes
  • pasta dentífrica
  • frasco pequeno de shampoo (para além do cabelo, também serve de sabão para o corpo; quando se acabava, comprávamos novo, enchíamos o nosso frasco e dávamos o restante a outros peregrinos)

 

Kit primeiros-socorros e medicamentos

O kit primeiros-socorros pode ser comprado nas farmácias, mas nós já nos habituámos a preparar o nosso em casa e sabemos o que nos é de facto indispensável. Se toma alguma medicação com regularidade, não se esqueça de a trazer consigo.

  • tesoura de unhas
  • compeed para as bolhas
  • fita adesiva médica
  • betadine: 2 doses individuais
  • algodão: apenas umas bolas
  • pensos rápidos
  • uma ligadura elástica
  • uma embalagem de compressas esterilizadas
  • uma agulha de seringa (sempre dentro da embalagem – aberta já não serve mais – é mais segura para furar bolhas do que o sistema “agulha-e-linha”)
  • gel para dores musculares
  • anti-inflamatório
  • anti-pirético
  • vaselina (a nossa melhor amiga na prevenção de bolhas!)

Esperamos que as nossas dicas vos ajudem a preparar a vossa mochila para o Caminho de Santiago. Bom Caminho!